21/07/2017

Um passeio pela perigosa mente de Clive Barker, criador de 'Hellraiser'


Kristy Cotton está em um quarto de hospital. Nas mãos, tem uma espécie de quebra-cabeça em forma de cubo, que revolve obsessivamente até ativar algum mecanismo oculto. O objeto passa a se mexer por conta própria, até que o ambiente parece responder a esses movimentos: as lâmpadas oscilam e fissuras espalham-se pelas paredes, derramando uma luz doentia sob o rosto assustado de Kristy. As rachaduras abrem-se e por elas surgem três monstruosas criaturas.

Aterrorizada, a moça pergunta quem ou o quê está diante de si. Uma das criaturas toma a dianteira; ela tem o rosto cravejado por pregos e, numa voz subterrânea, afirma: “Somos exploradores das regiões mais distantes da experiência. Somos demônios para alguns, anjos para outros”.

19/07/2017

Derretimento de geleira na Suíça revelou os corpos de casal desaparecido há 75 anos


O derretimento de uma geleira na Suíça revelou dois corpos congelados que seriam de um casal desaparecido há 75 anos, de acordo com a mídia local. Marcelin e Francine Dumoulin desapareceram em agosto de 1942, enquanto pastoreavam suas vacas nos Alpes suíços. Eles estavam a 2,6 mil metros de altura.

Seus sete filhos nunca perderam a esperança de encontrá-los. A filha mais nova, Marceline Udry-Dumoulin, de 79 anos, disse que pretende dar aos pais o funeral que eles mereciam.

"Passamos nossas vidas procurando por eles", disse Udry-Dumoulin ao jornal Le Matin, da cidade de Lausanne.

Arqueólogos descobrem mensagem secreta em cerâmica dos tempos bíblicos


Fãs do estilo de vida Indiana Jones ficarão felizes em saber que uma equipe de arqueólogos israelenses descobriu uma mensagem enigmática deixada em um fragmento de cerâmica de 3.000 anos de idade. A peça de cerâmica com tinta em argila, chamada de óstraco, foi originalmente descoberta na década de 1960, em Tel Arad, a oeste do Mar Morto. Agora, usando uma nova tecnologia de imagem multiespectral, pesquisadores da Universidade de Tel Aviv conseguiram iluminar um texto que se escondeu no óstraco por todos esses anos.

18/07/2017

As enigmáticas cavernas esculpidas de Longyou


Perto de uma pequena aldeia chamada Shiyanbei na região de Yazhou, que fica no meio da província de Zhejing, na China, é um sistema de cavernas como nenhum outro. Seu extenso, magnífico e raro mundo subterrâneo antigo é considerado na China como "a nona maravilha do mundo antigo".

Esse é um dos locais subterrâneos mais misteriosos já descobertos. Ele foi encontrado na década de 90, quando os agricultores acidentalmente encontraram um complexo subterrâneo há muito tempo escondido.

As "Cavernas de Longyou" - com mais ou menos 2000 anos de idade - são um grupo de cavernas subterrâneas antigas extremamente extensas. Segundo os pesquisadores, elas foram esculpidas totalmente a mão. O complexo subterrâneo espantoso foi descoberto pelos agricultores locais em 1992. Esta descoberta tem chamado a atenção de muitos especialistas de vários países ao redor do mundo, incluindo China, Japão, Polónia, Singapura e EUA.

Este lugar é um dos enigmas mais fascinantes e desafiadores já vistos. Por essa questão as cinco cavernas não sofreram nenhuma mudança por um período de mais de 2000 anos, para manter sua integridade original.

14/07/2017

Estamos vivendo em uma simulação?


Muitos são os sites ligados a assuntos como teorias da conspiração e até ufologia que volta e meia publicam matérias falando a respeito de teorias que sugerem que a humanidade estaria vivendo em uma simulação, a exemplo do que é mostrado no filme Matrix. A ideia parece um tanto absurda, mas existem cientistas pesquisando o assunto, e até mesmo sites científicos respeitados dando espaço para essas discussões.

No texto abaixo trago a vocês uma matéria que fala a respeito da possibilidade de estarmos de fato vivendo em uma simulação, e que, segundo pesquisas, as possibilidades disso ser verdade são maiores do que imaginamos.

13/07/2017

Reinos de Aksum e Kush, grandes civilizações do mundo antigo que pouca gente conhece


Quem viaja seguindo o curso do rio Nilo rumo ao sul, no território onde hoje é o Sudão, se depara com milhares de construções piramidais impressionantes, que pertenceram ao reino de Kush (ou Cuche). Kush foi uma superpotência africana e sua influência se estendeu até o atual Oriente Médio.

O reino existiu por centenas de anos e, no século 8º antes de Cristo, conquistou o Egito, governando-o por décadas. E o que restou dessa civilização é impressionante, mas incrivelmente poucas pessoas tem conhecimento da existência desse impressionante reino.

Publicidade 1

Postagem em destaque

O misterioso perfil do Facebook de Karin Catherine Waldegrave